segunda-feira, 20 novembro, 2017

Prefeitura divulga programação dos 64 anos de Bataguassu

Foto/Micael Nunes

Bataguassu completa dia 11 de dezembro, 64 anos de emancipação política administrativa. Para celebrar a data, uma programação de eventos está sendo organizada pela Prefeitura, através de mobilização das Secretarias Municipais de Administração; Educação e Cultura, Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente; Saúde, Assistência Social e Esportes e Lazer.

Entre as atrações, segundo o prefeito do município, Pedro Arlei Caravina (PSDB), presidente da Assomasul, está a realização do Moto Fest 2017, que será realizado no dia 9 de dezembro (sábado), com abertura às 15 horas (horário de Brasília), no Parque da Juventude “Fernando Barbosa da Silva” e que tem com sequência no domingo, dia 10, com o Show de Moto, a partir das 16 horas (horário de Brasília), no mesmo local e com entrada franca.

O prefeito acrescenta que a programação prevê ainda inaugurações de obras, assinatura de convênios, entregas de veículos e equipamentos, além do show de aniversário a cargo da dupla Antony e Gabriel que retorna ao município após a apresentação durante a Expobata 2017 e que está confirmado para o dia 10 de dezembro, à partir das 23 horas (horário de Brasília), também no Parque da Juventude. O show tem entrada franca. “Gostaríamos de convidar a toda comunidade para prestigiar nossa programação e participar conosco das atividades em comemoração aos 64 anos do nosso município”, destacou o prefeito.

PROGRAMAÇÃO

A programação de aniversário tem início dia 3 de dezembro, domingo, às 9 horas (horário de Brasília), com a inauguração do Centro Esportivo e de Lazer (CEL), no Distrito de Nova Porto XV.

Caravina disponibiliza máquina patrol para Nova Porto XV e Reta A-1

O prefeito de Bataguassu, Pedro Arlei Caravina (PSDB), presidente da Assomasul destinou uma máquina patrol para atender as demandas do Distrito de Nova Porto XV e Reta A-1.

Segundo Caravina, a disponibilização do maquinário exclusivamente para Nova Porto XV atende a um pedido dos vereadores Cleyton Rodrigo da Silva (PTB) e Maurício do XV bem como dos moradores da localidade.

A intenção, de acordo com o gestor, é qualificar os serviços de manutenção e conservação das estradas rurais.

O prefeito observa ainda que o município prossegue com a renovação da frota municipal e adiantou que novos veículos estão sendo adquiridos pela atual administração e que irão atender também a Subprefeitura do Distrito.

 

 

 

Prefeitura de Bataguassu realiza Feira de Artesanato “Arte & Mãos”

Em fomento à cultura, a Prefeitura de Bataguassu, através da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, por meio do Centro Cultural do município realiza no dia 11 de novembro (sábado), a Feira de Artesanato “Arte & Mãos”. O evento terá início às 19h30 (horário de Brasília), na praça Jan Antonin Bata, no centro da cidade.

Segundo a coordenadora municipal de Cultura, Regina Maria Freire Oliveira, a feira tem como objetivo fomentar a arte e a cultura entre os moradores locais além de valorizar a classe de artistas e artesãos de Bataguassu.

Regina observa que o evento que tem parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-MS) e Programa Vale Renda representará ainda uma nova oportunidade de geração de renda para os profissionais, oferecendo também novas alternativas de lazer e diversão para a população.

A coordenadora comenta que os trabalhos manuais desenvolvidos pelos artesãos e artistas serão expostos em tendas que ficarão instaladas no local.

Mais informações podem ser obtidas no Centro Cultural de Bataguassu, que fica na rua São Francisco de Assis, 389, no bairro São Francisco, e que funciona de segunda a sexta-feira, das 8 às 12 horas; e das 14 às 17 horas (horário de Brasília). Informações também pelo telefone (67) 3541-2122.

Foto: Micael Nunes

Semec realiza abertura do Pnaic 2017

Cerca de 90 profissionais da educação entre gestores escolares, coordenadores pedagógicos e professores da educação infantil e do 1º ao 3º ano do Ensino Fundamental das redes municipal e estadual de ensino participaram no dia 31 de outubro, na Câmara de Vereadores de Bataguassu, da solenidade de abertura oficial do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (Pnaic) deste ano.

O Pacto tem como objetivo alfabetizar todas as crianças, no máximo, até o final do terceiro ano do Ensino Fundamental da rede pública de ensino, atendendo as metas do Plano Nacional da Educação (PNE) e do Plano Municipal de Educação (PME). Este ano, além dos professores de 1º, 2º e 3º ano e seus coordenadores, o Pnaic se estendeu para os professores da educação infantil, com o intuito de fortalecer ainda mais o ciclo de alfabetização.

Na solenidade, a secretária municipal de Educação e Cultura, Regina Duarte de Barros Dovale comentou que a missão do Pnaic é árdua e convocou a participação dos profissionais nas formações, que proporcionará novas práticas pedagógicas. “Nosso objetivo maior como educador é alfabetizar os alunos com até 8 anos. Esse deve ser o nosso estímulo maior para a realização dessas formações, que oportunizarão ainda um aperfeiçoamento diante das práticas pedagógicas”, disse a secretária.

O vereador Dennis Thomazini (PTB) esteve no ato, representando o prefeito de Bataguassu, Pedro Arlei Caravina (PSDB), presidente da Assomasul, que devido agenda não pode comparecer ao evento.

Thomazini destacou a importância da participação dos profissionais na formação devido o engrandecimento curricular além do cumprimento do Pnaic. “Sem o apoio e dedicação de vocês, não chegaremos a lugar algum. Por isso, já agradeço a participação de todos em prol de mais qualidade na educação, que é direito das crianças serem alfabetizadas na idade certa”, salientou.  Esteve presente ainda no evento o vereador Renato Ferreira da Silva (PTB), no ato, representando o presidente da Câmara, Márcio Carlos da Fonseca (PTB).

Após as falas, houve apresentação cultural desenvolvida pelo professor de música, Luiz Henrique Lunhani, do Centro Cultural de Bataguassu. Na sequência, o coordenador municipal do Pnaic, Edinalvo Raimundo de Lima apresentou o cronograma das formações, que conta com a parceria da Secretaria de Estado de Educação (SED), União dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), Ministério da Educação e Cultura (MEC).

Além do coordenador local, a equipe municipal é composta pelas professoras Elizabhete Lima (formadora local da Educação Infantil), Nilza Primo e Aparecida Evangelista (formadora local do 1º ao 3º ano do Ensino Fundamental).

As formações, por sua vez, segundo Lima, tem início neste mês de novembro com previsão de serem concluídas em maio de 2018. Os cursos serão compreendidos por modalidade presencial, EAD e em serviço; através de eixos distintos de atuação.

Fotos: Micael Nunes

Setores atendem população no prédio da Prefeitura de Bataguassu

Os setores de Convênios, Engenharia, Patrimônio, Controladoria Geral, Frotas e Assessoria de Imprensa já estão atendendo ao público no prédio da Prefeitura de Bataguassu. Anteriormente, os setores ficavam localizados em um prédio alugado localizado na rua Nova Andradina.

Segundo o prefeito de Bataguassu, Pedro Arlei Caravina (PSDB), presidente da Assomasul, o prédio da Prefeitura foi ampliado com a junção do antigo prédio da Câmara de Vereadores (rua Dourados, 207).

Caravina explica que o local foi readequado, com a construção de novas salas que já acomodam os profissionais que atuam nos setores. O chefe do Executivo salienta ainda que a mudança proporciona economia aos cofres públicos devido à redução de mais um aluguel de imóvel.

Foto: Micael Nunes

Saúde de Bataguassu promove ciclo de palestras em prevenção à Dengue em escolas

O combate ao mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue está sendo tema de um ciclo de palestras iniciado esta semana pela Secretaria Municipal de Saúde e voltado as instituições escolares municipais, estaduais e particulares. A ação faz parte da Semana Nacional de Mobilização para Combate ao Aedes Aegypti promovida pelo governo federal.

De acordo com a coordenadora do setor de Vigilância em Saúde, Paula Romão Dias, o objetivo da atividade é conscientizar alunos e demais membros da comunidade escolar (professores, coordenadores e servidores administrativos) sobre a importância da prevenção e combate ao mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya, antes mesmo da chegada do verão. “Com esse contato, os alunos se tornam potenciais multiplicadores dessas informações em casa, repassando para os pais, amigos e vizinhos”, explica ela.

Foram visitadas na semana, as escolas municipais “Marechal Rondon”, Centros de Educação Infantil (CEI) “Casa da Vovó Diva” e “Irmã Pura Pagani”. A intenção, segundo a coordenadora, é atender todas as escolas locais, repassando orientações sobre como identificar os possíveis criadouros, como combater a proliferação das larvas do mosquito, sintomas da doença e cuidados básicos de prevenção.

As palestras estão sendo ministradas pelas equipes do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf) e Vigilância em Saúde.

MUTIRÕES

A coordenadora observa que o município retomou no início deste mês, os mutirões de limpeza em combate à dengue com a atuação dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e Agentes de Endemias.

Paula lembra que no período de chuvas, o cuidado com os quintais deve ser redobrado. “É nosso dever eliminar todo e qualquer criadouro do mosquito em nossas casas e em nosso ambiente de trabalho. É uma luta constante que necessita do engajamento de todos”, disse.

Ela informa que neste sábado, dia 28 de outubro, à partir das 8 horas (horário Brasília), está agendado o “Dia D” de mobilização contra o mosquito Aedes Aegypti, com a participação do Comitê Municipal de Combate à Dengue que envolve Agentes Comunitários de Saúde (ACSs), Agentes de Endemias, servidores das Secretarias Municipais, Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Ambiental, Corpo de Bombeiros, clubes de serviços, entidades assistenciais e demais membros da sociedade civil.

A saída do mutirão será realizada na sede da Secretaria Municipal de Saúde, com ação percorrendo todo o município recolhendo materiais que acumulem água e que possam se tornar possíveis criadouros do vetor, como depósitos de plástico, garrafas, pneus. Além da remoção dos objetos, os moradores receberão orientações a respeito dos cuidados necessários para diminuir a incidência de focos do Aedes.

Fotos: Micael Nunes

Grupos da Terceira Idade de Bataguassu participam de 1º Encontro Regional Cultural em Ivinhema

Cerca de 100 idosos integrantes do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos da Melhor Idade “Grupo Esperança” de Bataguassu e do Distrito de Nova Porto XV participaram ontem, dia 26 de outubro, das 12h30 às 17 horas (horário MS), no Parque de Exposições “Lidia Calabreta Massi”, em Ivinhema, do 1º Encontro Regional Cultural da Terceira Idade.

O evento, que reuniu em torno de 1 mil idosos dos municípios de Bataguassu, Taquarussu, Novo Horizonte, Angélica, Nova Andradina e Ivinhema – cidade anfitriã- teve como objetivo promover a troca de experiências, interatividade e momentos de descontração entre idosos das cidades do Vale do Ivinhema em comemoração ao mês do idoso lembrado em outubro.

A ação foi proposta através da parceria entre Prefeitura de Ivinhema, Frente Parlamentar em Defesa dos Diretos da Pessoa Idosa da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, Governo do Estado e apoio das prefeituras.

Durante o encontro, foram realizadas apresentações culturais, show com a banda Uirapuru, além de oferecido um café da tarde para a interação dos idosos.

Estiveram presentes no ato, a secretária municipal de Assistência Social de Bataguassu, Ana Nely Castelo Branco Sanches e demais servidores da pasta bataguassuense; o prefeito de Ivinhema, Tuta; o deputado estadual Renato Câmara, que preside a Frente Parlamentar em Defesa dos Diretos da Pessoa Idosa; e demais representantes de municípios participantes.

MÊS DO IDOSO

Em Bataguassu, o mês do idoso foi celebrado com a realização dos Jogos da Melhor Idade, que contou com atividades recreativas como dama, dominó e truco, além de competições de dança. Um café da manhã e um almoço festivo também foram oferecidos aos atendidos através da parceria entre Secretarias Municipais de Assistência Social; e Esportes e Lazer.

Os idosos do serviço de convivência também receberam palestras orientativas na rotina de encontros semanais e participaram do Baile Especial da Semana do Idoso promovido pela Prefeitura de Santa Rita do Pardo.

Fotos Cedidas: Paulo César/Prefeitura de Ivinhema

Secretaria de Saúde confirma dois novos casos de leishmaniose em Bataguassu

A Secretaria Municipal de Saúde confirmou este mês de outubro, dois novos casos de leishmaniose visceral humana no município.

De acordo com a secretária municipal de Saúde, Maria Angélica Benetasso, que esteve nesta sexta-feira, dia 27, concedendo entrevista à rádio Portal 98,9 FM, um idoso e uma criança de dois anos seguem internados em tratamento em Três Lagoas e Campo Grandes respectivamente devido a doença.

Maria Angélica comenta que em fevereiro deste ano, um idoso de 79 anos foi o primeiro caso diagnosticado de leishmaniose visceral humana desde o início da atual administração, o que alertou as autoridades de saúde para averiguação de focos do mosquito no município. “Na época, iniciamos um trabalho preventivo para combater a doença transmitida por um vetor da subfamília Phlebotominae conhecido popularmente como mosquito palha. Realizamos o monitoramento da população canina, com a realização de testes rápidos caninos e testes de sangue (sorologia), com objetivo de identificar animais doentes”, comenta.

A secretária observa que ações visando a limpeza de locais propensos a proliferação do mosquito, que se reproduzem em áreas de criadouros de animais e em meio à materiais orgânicos, como restos de comida ou fezes também foram realizadas, além do levantamento canino e instalação de armadilhas para averiguação dos focos dos mosquitos.

Maria Angélica lembra que como medida preventiva, o município também realizou a alteração no Código de Postura do Município (Lei nº 700, de 30 de dezembro de 1991 – Lei nº 204/2017, de 10 de março de 2017), em que proíbe a criação ou engorda de suínos, equídeos, bovinos, bubalinos, caprinos, ovinos, aves domésticas, galináceos e animais silvestres no perímetro urbano, com a justificativa de que os locais são ambientes favoráveis para reprodução do mosquito palha.

Quanto aos cães que podem ser reservatórios do protozoário e fonte de infecção para os vetores, a chefe da pasta observa que em 60% dos animais, a doença é assintomática, o que dificulta ainda mais descobrir se o animal está infectado. Os outros 40%, segundo ela, apresentam sintomas como apatia, lesões de pele, queda de pelos inicialmente ao redor dos olhos e nas orelhas; emagrecimento, lacrimejamento (conjuntivite) e crescimento anormal das unhas.

“Nesses casos, o setor de Vigilância em Saúde deve ser contatado para que possamos realizar o atendimento com o teste rápido e caso haja a confirmação, o morador é orientado a encaminhar esse animal para a eutanásia. Nós sabemos que é triste ter que sacrificar um animal, que muitas vezes é de estimação, mas precisamos pensar no bem estar da nossa comunidade, deixando o município livre de uma infestação da doença”, salienta.

Durante todo o trabalho preventivo ocorrido este ano, um total de 167 cachorros foram eutanasiados devido a leishmaniose, com o apoio do Centro de Controle de Zoonoses de Três Lagoas.

ORIENTAÇÕES

Entre as orientações para a prevenção da doença, Maria Angélica alerta o importante papel do cidadão na quebra do ciclo do mosquito transmissor da leishmaniose, realizando o descarte correto de materiais orgânicos. “O mosquito se reproduz e se alimenta a partir de material orgânico em decomposição, como restos de folhas, frutas podres, galhos, fezes de animais ou em locais como galinheiros, chiqueiros. Os insetos são mais encontrados em locais úmidos, escuros e com muitas plantas, portanto, é necessário que a população colabore eliminando rotineiramente essas condições de reprodução em quintais o mais rápido possível”, explica ela.

Outra solicitação é que seja providenciada a poda de árvores regularmente, ocasionando a radiação solar e a secagem mais rápida do solo. A secretária acrescenta ainda que os animais devem ser castrados para o controle da espécie e evitar a expansão da doença para demais cachorros saudáveis.

Moradores do Assentamento Montana recebem certificados de cursos

Quarenta e sete moradores do Assentamento Montana receberam dia 20 de outubro, os certificados de conclusão de cursos diversos oferecidos através da parceria entre Associação das Mulheres do Assentamento Montana (Ponto de Cultura), Prefeitura de Bataguassu (Centro Cultural de Bataguassu) e Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer).

De acordo com a presidente do Ponto de Cultura, Maria Conceição Pereira Sanches Mendonça, as capacitações ofertadas de forma gratuita foram desenvolvidas no período de 2015 a 2016 na sede do assentamento e atenderam crianças, jovens e adultos.

Receberam certificados os alunos dos cursos de Informática Básica (carga horária de 410 h) ministrado pela instrutora Kethuly Rodrigues da Costa Oliveira; e de artesanatos como pintura em tecido, decoupage, porcelanato e biscuit (total de 512 h cada), ministrados pela instrutora e servidora da Agraer, Elenice Aparecida Barcelos da Silva.

Durante a solenidade, estiveram presentes o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente, Nilo José Perlin; o vereador Renato Ferreira da Silva (PTB), a coordenadora municipal de Cultura, professora Regina Maria Freire Oliveira; o coordenador municipal da Agraer, Maurílio dos Santos além de demais servidores e comunidade do assentamento.

Ciat de Bataguassu informa vagas de emprego para cargo de Refilador e Desossador

O Centro Integrado de Atendimento ao Trabalhador (Ciat) informa que a empresa Marfrig está com vagas de emprego abertas para a função de Refilador e Desossador.

Entre os requisitos é preciso ter no mínimo um ano de experiência comprovada em Carteira de Trabalho e residir em Bataguassu. São 24 vagas oferecidas para cada cargo.

SERVIÇO

Mais informações sobre as oportunidades podem ser obtidas na sede do Ciat (Casa do Trabalhador), que fica na Avenida Aquidauana, 60 e que funciona de segunda a sexta-feira, das 8 às 12 horas; e das 14 às 17 horas. Para preenchimento de cadastro, é preciso apresentar documentos pessoais e currículo. O telefone para contato é (67) 3541-2128.