quarta-feira, 25 abril, 2018

Prefeitura inicia recadastramento de imóveis em Presidente Venceslau

A Prefeitura de Presidente Venceslau iniciará nesta quarta-feira (23) um processo de recadastramento de imóveis. O trabalho será realizado conjuntamente pelo Setor de Cadastro, Fiscalização, Administrativo e Planejamento.

O serviço será iniciado pelos bairros Residencial Petrona e Jardim Ipanema. Os agentes públicos municipais estarão identificados e terão de entrar nos imóveis para efetuar medições e promover a constatação real de cada local.

Além de reatualizar o cadastro de imóveis de Presidente Venceslau, o serviço terá natureza multifinalitária, a partir do qual haverá um mapeamento de dados para o planejamento municipal, viabilizando um “raio-x” da cidade.

Com o recadastramento, os moradores poderão legalizar seus imóveis junto à Prefeitura. Faz parte de uma política de regularização fundiária, agora com a formalização de dados reais junto ao setor de cadastro.

O recadastramento imobiliário será estendido a toda a cidade e a equipe de fiscais foi treinada para elaboração dos formulários e realização das medições de todos os imóveis de Presidente Venceslau.

 G1 Presidente Prudente

Itens apreendidos na Operação Ethos são analisados em Pres. Venceslau

Nesta quarta-feira (23), a Polícia Civil de Presidente Venceslau informou que está com todos os materiais apreendidos durante a Operação Ethos, realizada no Estado de São Paulo. A ação teve como objetivo cumprir mandados de prisão contra advogados suspeitos de envolvimento com uma facção criminosa que atua dentro e fora dos presídios do Estado de São Paulo. Ainda segundo a polícia, todas as pessoas presas foram trazidas ao Oeste Paulista, região na qual a investigação foi desencadeada.

No total, foram expedidos 41 mandados de prisão e, destes, 34 foram cumpridos e resultaram na detenção dos profissionais suspeitos de terem elo com a organização ilícita. Outras sete pessoas continuam foragidas da Justiça.

A Polícia Civil informou que o conselheiro Luiz Carlos dos Santos, vice-presidente do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana (Condepe), que também foi preso durante a operação após as investigações apontarem o seu suposto envolvimento com a facção criminosa, foi levado para a Penitenciária “Zwinglio Ferreira”, a P1 de Presidente Venceslau. Ele é o único dos presos que ainda falta ser ouvido.

Os profissionais presos durante a operação também foram trazidos à Pres. Venceslau (Foto: Bruna Bachega/TV Fronteira)Os profissionais presos durante a operação
também foram levados a Pres. Venceslau
(Foto: Bruna Bachega/TV Fronteira)

Santos, com a participação dos advogados, recebia uma quantia mensal, conforme foi apurado pela Polícia Civil, para informar a facção sobre os assuntos do conselho.

Todos os detidos permanecerão presos, temporariamente, por cinco dias. Entretanto, esse período pode ser prorrogado pela Justiça por mais cinco dias, caso haja necessidade para as investigações serem concluídas.

Inquérito
O inquérito policial sobre o caso foi instaurado em maio de 2015 para apurar crimes de organizações criminosas, lavagem de dinheiro, associação para fins de lavagem, exploração de prestígio e corrupção ativa.

As investigações começaram após informações reveladas através de uma carta que foi interceptada por agentes da Penitenciária “Maurício Henrique Guimarães Pereira”, a P2 de Presidente Venceslau, no dia 11 de maio de 2015, durante procedimento de varredura de rotina realizado no telhado sobre os raios 3 e 4 da unidade.

Conforme a Polícia Civil, os envolvidos nos crimes tinham uma célula denominada “sintonia dos gravatas” – modo como é tratado o departamento jurídico da facção criminosa – criada inicialmente para prestação de serviços exclusivamente jurídicos aos líderes da “sintonia final geral” ou “conselho deliberativo”, que são os chefes da organização ilícita. Esses advogados evoluíram da licitude para a ilicitude, porque se percebeu a capacidade de infiltração dessa célula, sempre blindada pelo sigilo constitucional do advogado.

Todos os objetos serão analisados pela polícia (Foto: Bruna Bachega/TV Fronteira)Todos os objetos serão analisados pela polícia
(Foto: Bruna Bachega/TV Fronteira)

Atualmente essa célula simulava visitas jurídicas aos líderes presos, fazendo elo de comunicação de atividades criminosas entre os presos e aqueles que estão em liberdade, em “verdadeiras relações de promiscuidade”, segundo a Polícia Civil.

Cumprimento de mandados
A Operação Ethos, realizada pela Polícia Civil e pelo Ministério Público Estadual (MPE), através do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), prendeu sete advogados no Oeste Paulista, nesta terça-feira (22). Entre os presos, estão duas mulheres e cinco homens.

Segundo o delegado Éverson Contelli, oito mandados de prisão estavam previstos para serem executados na região. “Dos oito [mandados], cumprimos sete e uma advogada, de Pirapozinho, ainda está foragida. Foram cinco prisões em Presidente Prudente, uma em Presidente Venceslau e outra Estrela do Norte. Todos prestaram depoimento e serão encaminhados para unidades prisionais da região”, explicou o delegado.

Advogados tiveram a prisão temporária decretada por cinco dias (Foto: Bruna Bachega/TV Fronteira)Advogados tiveram a prisão temporária decretada
por cinco dias (Foto: Bruna Bachega/TV Fronteira)

Conduta de advogados
A 29ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) afirmou que vai apurar a conduta dos advogados que foram presos na Operação Ethos, realizada nesta terça-feira (22), no Oeste Paulista. Conforme o presidente da OAB na região de Presidente Prudente, Rodrigo Lemos Arteiro, o Ministério Público Estadual e a Polícia Civil ainda não notificaram oficialmente a entidade sobre o caso, por enquanto.

O presidente da OAB também acompanhou os representantes da entidade e ressaltou que tudo ocorreu “dentro da legalidade”. “Todos os advogados presos estão vinculados à Ordem dos Advogados no Estado de São Paulo, não sei dizer se são todos da nossa região”, frisou.

“A Ordem precisa ser comunicada. Por enquanto, a Ordem não tem expediente materializado por escrito para fazer qualquer valoração sobre o caso e não há um prazo para que isso seja feito”, pontuou ao G1.

G1 Presidente Prudente

Mulher é presa pela Polícia Militar por tráfico de droga em Presidente Venceslau

Na noite do dia 20 de novembro de 2016 (domingo), Policiais Militares do Programa de Força Tática prenderam uma mulher em flagrante delito por tráfico de droga no município.

Os patrulheiros suspeitaram das atitudes da mulher na Rua 2 de Setembro, e durante busca domiciliar localizaram três tijolos de maconha sobre o guarda-roupas. Ela recebeu voz de prisão em flagrante delito e foi conduzida ao Plantão de Polícia Judiciária e em seguida conduzida à Cadeia Pública de Dracena/SP.

42 BPM/I

Advogado de Presidente Venceslau é preso na operação Ethos

A Polícia Civil e o Ministério Público Estadual (MPE), através do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), realizam na manhã desta terça-feira (22) a Operação Ethos, para cumprir mandados de prisão contra advogados suspeitos de envolvimento com uma facção criminosa que atua dentro e fora dos presídios do Estado de São Paulo. No Oeste Paulista, as ações ocorrem em Presidente Prudente, Presidente Venceslau, Pirapozinho e Estrela do Norte.

Na cidade de Presidente Venceslau, foi cumprido um mandado de prisão para o advogado Paulo Sérgio Ramalho de Oliveira, assim como outros dois mandados de busca e apreensão na residência e no escritório. Segundo informações do delegado Everson Contelli, Paulo e outros envolvidos foram ouvidos e ficarão sob prisão temporária por cinco dias para posterior remoção ao sistema penitenciário.

Investigações
As investigações apontam o envolvimento de 40 advogados sob controle de presos vinculados à facção criminosa. Segundo uma nota conjunta da Polícia Civil e do MPE, foram identificadas 55 pessoas, das quais 41 estavam em liberdade e contribuíam para a prática criminosa vinculada à organização, motivo das prisões realizadas.

Os outros 14 componentes da organização são presos que estão no sistema penitenciário paulista, considerados pelos demais líderes da facção.

Com informações do G1 de Presidente Prudente e do Portal Bueno

foto: Mariane Santos/TV Fronteira

 

Agência do Banco do Brasil será fechada em Presidente Venceslau

O Banco do Brasil anunciou nesta segunda-feira (21) que 402 agências serão fechadas, 379 serão transformadas em postos de atendimento e 31 superintendências em diversos municípios serão encerradas em todo o país. Com a reorganização, 222 agências serão fechadas apenas no Estado de São Paulo. Clique aqui e veja quais agências fecharão as portas.

Em Presidente Venceslau, a agência 6628 localizada na Travessa Tenente Osvaldo Barbosa irá fechar as portas. A agência possui atualmente 16 funcionários. Segundo informações passadas pela gerência ao Portal Bueno, ainda não se sabe o que será feito referente ao fechamento da unidade, bem como da realocação de funcionários, pois ainda haverá uma reunião com o banco para definir quais as medidas a serem tomadas. Em Presidente Prudente, as agências 4321, do Parque Shopping Prudente, e 7037, do Parque do Povo também serão fechadas.

A reestruturação de agências e o plano de aposentadoria incentivada podem gerar uma economia anual de R$ 3,798 bilhões, caso os 18 mil funcionários habilitados optem por deixar o banco em troca de benefícios.

De acordo com o presidente do banco, Paulo Cafarelli, as mudanças fazem parte do plano para ampliar o atendimento digital. Para isso, o Banco do Brasil anunciou a abertura, já em 2017, de mais 255 unidades de atendimento digital, entre escritórios e agências. Segundo Caffarelli, em setembro de 2015, 59,3% das transações do banco foram feitas por internet banking ou mobile, acesso por celular. Esse percentual subiu para 67,2% em setembro de 2016.

Atualmente, informaram os executivos do Banco do Brasil, a instituição já tem 245 unidades de atendimento digital, que atendem 1,3 milhão de clientes. A expectativa é chegar no final de 2017 atendendo 4 milhões de clientes nessas unidades.

Funcionários
A instituição fará a realocação dos funcionários, das agências que serão fechadas, até o dia 1º de fevereiro. Caso as mudanças não sejam concluídas até essa data, os funcionários que recebem comissão por cargos, como gerente, receberão a mesma remuneração por quatro meses para que consigam se adequar financeiramente. “Acreditamos que esse tempo [quatro meses] é o suficiente para que esses funcionários sejam realocados”, disse.

Segundo os cálculos da instituição, a economia com o fechamento de 402 agências, a transformação de agências em postos de atendimento e outras mudanças na estrutura do banco pode alcançar R$ 750 milhões anuais. Já a economia com o plano de demissão voluntária varia de acordo com a adesão dos funcionários.

Se apenas 5 mil funcionários decidirem deixar o banco, a instituição poderá economizar R$ 1,183 bilhão. Por outro lado, com a adesão de 18 mil funcionários que têm condições de se aposentar neste momento, o corte anual de despesas pode atingir R$ 3,048 bilhões, explicou o presidente do Banco do Brasil. O custo estimado das demissões é de R$ 2,7 bilhões, que podem ser diluídos em até sete meses.

No ano passado o Banco do Brasil já abriu um plano de demissão voluntária e teve adesão de 5 mil funcionários, 27% do público alvo. No plano do ano passado, no entanto, o incentivo para a adesão era de sete salários.
(Com informações G1)

Portal Bueno

Polícia Militar recupera motocicleta furtada em Presidente Venceslau

Na madrugada do dia 14 de novembro de 2016 (segunda-feira), Policiais Militares de Presidente Venceslau/SP recuperaram uma motocicleta que havia sido furtada no município.

Os patrulheiros realizavam atendimento de ocorrência na Rua Bom Pastor e avistaram um rapaz conduzindo uma moto sem placa de identificação, com as características de uma que havia sido subtraída horas antes na cidade. Diante disso, foram até a residência onde o motociclista adentrou e localizaram o veículo com o miolo da chave danificado, constatando se tratar da moto furtada.

Durante a averiguação outro adolescente compareceu no local e informou que ambos avistaram a motocicleta caída em um matagal e levaram-na até a residência. Os adolescentes foram conduzidos ao Plantão de Polícia Judiciária para adoção das medidas legais.

42º BPM/I

Traficante é preso pela Polícia Militar em Presidente Venceslau

Na tarde do dia 16 de novembro de 2016 (quarta-feira), Policiais Militares de Presidente Venceslau prenderam um indivíduo em flagrante delito por tráfico de entorpecente em Presidente Venceslau/SP.

Os patrulheiros suspeitaram das atitudes do homem, por volta de 17h00min, momento em que conduzia uma motocicleta pela Rua Manlio D´incao e ao avistar a viatura PM fugiu em alta velocidade, jogou uma sacola com cinco porções de cocaína em um matagal, porém foi acompanhado e submetido à busca pessoal no cruzamento das Avenidas Dom Pedro II – Newton Prado.

Durante a abordagem policial foram localizados com o indivíduo R$150,00 e R$244,00 em cheque. Em seguida foi conduzido ao Plantão de Polícia Judiciária e permaneceu à disposição da Justiça.

42º BPM/I

Rapaz tem moto furtada enquanto acompanha o velório da mãe

Um rapaz de 22 anos teve a motocicleta furtada na madrugada desta segunda-feira (14), em Presidente Venceslau. De acordo com as informações da Polícia Militar, a vítima estava no velório de sua mãe, quando o veículo foi levado por ladrões.

Conforme a corporação, câmeras de monitoramento da casa de velório flagraram a ação criminosa, por volta das 2h. Segundo a PM, dois bandidos, com os rostos encapuzados, se aproximaram do veículo e o furtaram.

Por volta das 8h, quando o rapaz saiu, percebeu que a motocicleta não estava no local onde a havia estacionado.

A polícia realiza diligências para localizar os suspeitos e o veículo. O caso foi registrado na Polícia Civil.

 G1 Presidente Prudente

Prefeitura libera restante da folha de pagamento dos servidores de PV

O prefeito Jorge Duran anunciou, nesta sexta-feira (11), que já foi creditado ao banco o restante da folha de pagamento dos servidores públicos municipais de Presidente Venceslau. O dinheiro estará disponível na quarta-feira (16), conforme anunciado nesta semana.

“Conforme anunciamos anteriormente, com a liberação de 80% da folha nesta quarta-feira, dia 10, o restante seria depositado no dia 16. E isso está confirmado porque enviamos hoje ao banco o empenho do remanescente”, explicou.

Duran disse também que está tomando todas as medidas para regularizar o pagamento dos salários dos servidores, que, até setembro, vinha sendo liberado antes do quinto dia útil. “A folha é nossa prioridade dentre as prioridades”, destacou.

Além dos servidores da ativa, receberão os benefícios os servidores aposentados na próxima quarta-feira (16). Os estagiários também serão remunerados no mesmo dia.

Por: Portal Bueno

Duran encaminha à Câmara projeto de lei que visa corrigir valores de serviços de Saneamento Básico

Foi encaminhado para a Câmara Municipal de Presidente Venceslau, um projeto de lei complementar, pelo prefeito Duran, que visa fazer a correção monetária dos valores de serviços prestados pela Secretaria Municipal de Saneamento Básico.
O objetivo de tal projeto, é equilibrar as movimentações financeiras de entrada e saída da Secretaria, permitindo ainda a manutenção da rede de esgoto da cidade, exigindo assim, maior arrecadação do contribuinte.
De acordo com o documento, o consumo mínimo de água (Consumo Residencial) cobrado hoje, no valor de R$ 14,92, sofreria aumento equivalente a 60,11%. Protocolado nesta terça-feira(8), caso aprovado pela Câmara Municipal, tal projeto entrará em vigor no dia primeiro de 2017.

Com informações do Blog do Toninho