quarta-feira, 21 fevereiro, 2018

Emprega São Paulo disponibiliza 27 vagas para a região de Pres. Prudente

O programa Emprega São Paulo Mais Emprego, agência de empregos pública e gratuita gerenciada pela Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho (Sert), em parceria com o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), oferece nesta semana 27 vagas de trabalho divididas entre as áreas de serviços, indústria e construção civil na região Presidente Prudente.

Os itens escolaridade e experiência para o preenchimento das vagas variam de acordo com a área de atuação e com a empresa. São seis oportunidades para o setor de serviços, uma para a construção civil e 20 para a indústria.

Entre as ocupações em destaque, estão 20 chances para auxiliar de linha de produção, duas para coordenador de restaurante e uma para soldador.

Cadastro
Para ter acesso às vagas, basta acessar o site, criar login e senha e informar os dados solicitados. Outra opção é comparecer a um Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) com RG, CPF, PIS e Carteira de Trabalho.

O cadastramento do empregador também poderá ser feito no site do Emprega São Paulo ou no PAT. Para disponibilizar vagas no sistema, é necessária a apresentação do CNPJ da empresa, da razão social, do endereço e do nome do solicitante.

A disponibilidade das vagas está sujeita a alterações, seja pelo seu preenchimento ou pela desistência do empregador.

 G1 Presidente Prudente

Micro-ônibus é depredado por presos que aguardam vagas em presídios

Na manhã deste sábado (19), seis presos depreraram um micro-ônibus da Brigada Militar onde eram mantidos sob custódia no estacionamento da Palácio da Polícia, em Porto Alegre. Os homens aguardavam a abertura de vagas no sistema prisional dentro do veículo desde a tarde de sexta-feira (18).

O tumulto começou por volta das 6h. Os suspeitos pediam a transferência para presídios. Eles quebraram os vidros das janelas do micro-ônibus com chutes e socos. Quatro desses homens estão sendo encaminhados para o presídio. Os outros dois, de acordo com o delegado Marco Antônio de Souza, vão voltar a aguardar vagas nas viaturas da BM, situação que ocorreu durante algumas semanas na capital.

Por  volta do meio-dia deste sábado, presos que são mantidos na carceragem do Palácio da Polícia atearam fogo no local, que tem as janelas voltadas para o pátio, ao lado de onde está estacionado o veículo da polícia que foi depredado mais cedo. O incêndio, de pequena proporção, foi controlado pelo Corpo de Bombeiros.

Presos que aguardam vagas em presídios quebraram vidros de micro-ônibus da Brigada Militar no Palácio da Polícia, em Porto Alegre (Foto: Jonas Campos)Presos eram mantidos em micro-ônibus desde a
tarde de sexta-feira (19) (Foto: Jonas Campos)

A medida de deixar presos provisoriamente dentro desses micro-ônibus vem sendo adotada desde a última quarta-feira (16). O objetivo é evitar que eles fiquem acomodados dentro de carros da Brigada Militar ou algemados em lixeiras na rua, como ocorreu no início do mês.

Apesar de reconhecer que a medida é “inadequada”, o diretor da Divisão Judiciária de Operações Marco Antônio Duarte de Souza diz que foi a maneira encontrada para evitar que os detidos fiquem dentro de carros da polícia.

“É uma medida paliativa, enquanto aguardamos a feitura do Centro de Triagem pelo governo estadual. É o que estamos fazendo, para que os presos não fiquem expostos em frente à delegacia. Se assim é inadequado, dentro das viaturas é pior ainda”, explicou.

O governo estadual informou os prazos para a construção de dois centros de triagem na Zona Leste de Porto Alegre. O primeiro, que será localizado no bairro Partenon, terá capacidade para 120 detentos, e deve ficar pronto em seis meses a partir da assinatura da ordem de serviço. O segundo deve ficar pronto em 45 dias após a formalização, e terá 96 vagas. Um terceiro ainda será construído em Charqueadas, na Região Carbonífera do estado.

Batalhão de Operações Especiais (BOE) foi chamado após tumulto de presos no Palácio da Polícia (Foto: Jonas Campos/RBS TV)Batalhão de Operações Especiais (BOE) foi chamado após tumulto no Palácio da Polícia (Foto: Jonas Campos/RBS TV)
G1

Preços dos alimentos voltam a cair e seguram inflação em São Paulo

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) na cidade de São Paulo, desacelerou na segunda quadrissemana de novembro ao atingir alta de 0,30%, ligeiramente inferior ao avanço registrado na primeira prévia do mês (0,33%). Esse resultado reflete, principalmente, o recuo médio de 0,58% no grupo alimentação. No último levantamento, os itens alimentícios tinham apresentado queda de 0,41%.

Também ajudaram a segurar o avanço inflacionário os grupos transportes, com variação de 0,67% ante alta de 0,72%, e saúde, que passou de 1,05% para 0,53%. Além disso, o grupo educação ficou quase inalterado, com variação de 0,10% ante 0,11%. Em vestuário, a taxa manteve-se estável em 0,49%.

Ocorreram elevações em habitação (de 0,35% para 0,41%) e despesas pessoais (de 1,05% para 1,1%).

O levantamento da Fipe refere-se às oscilações de preços dos bens e serviços consumidos pelas famílias com renda mensal entre um e dez salários mínimos.

Agência Brasil

Projeto aumenta em 43% taxa de partos normais em hospitais particulares

Um projeto da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) conseguiu aumentar em 43% a taxa de partos normais em 35 hospitais particulares de 11 estados. Entre os nascimentos nessas instituições, 23,8% foram por parto normal, percentual que chegou a 34% após a participação na iniciativa. Com isso, foram evitadas, segundo a agência, 10 mil cesarianas sem indicação em 18 meses.

O programa, que deverá agora ser ampliado, pretende conter o crescimento do número de cesáreas, verificado nos últimos anos e ampliar o número de partos não cirúrgicos. “Em 2005 a gente tinha 75% de cesarianas [nos nascimentos em hospitais particulares], em 2015, estávamos com 85%. Era uma coisa crescente, e a gente não conseguia baixar esse percentual”, diz a diretora de Desenvolvimento Setorial da ANS, Martha Oliveira.

“A cesariana é uma cirurgia e, enquanto cirurgia, tem indicações, salva vidas. Mas isso estava sendo usado na saúde suplementar de forma completamente desorganizada”, destaca Martha sobre o fato de a cesárea ter se tornado a principal forma de parto na rede privada. De acordo com a Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia, só existem duas indicações absolutas para o procedimento: a desproporção céfalo-pélvica e a apresentação prévia da placenta.

Reorganização

Nos últimos anos, entretanto, Martha diz que o sistema de saúde suplementar começou a dar prioridade aos partos cirúrgicos. “O trabalho do médico fica mais facilitado quando ele agenda todas as cesarianas para uma mesma manhã, não precisa fazer cada uma em um momento. O hospital deixa de ter centro de parto normal e passa a ter só centro cirúrgico.”

São Paulo - Maternidade do Hospital Israelita Albert Einstein faz parceria com a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e o Institute for Healthcare Improvement (IHI) para o projeto Parto Adequado (Rovena Rosa/A
São Paulo – Maternidade do Hospital Israelita Albert Einstein faz parceria com a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e o Institute for Healthcare Improvement (IHI) para o projeto Parto Adequado Rovena Rosa/Agência Brasil

Por isso, o projeto atuou de forma a reorganizar o modo de trabalho das instituições participantes. “A gente precisou trabalhar a capacitação, trabalhar modelos para isso, resgatar o plantonista nos hospitais. Resgatar o papel da enfermeira obstetra. Resgatar a equipe de profissionais”, destaca Martha sobre as mudanças que foram feitas.

De acordo com a médica, também foi preciso dialogar com as gestantes. “Esse projeto nasceu de um pleito das próprias mulheres, que entraram com uma ação civil pública. Dentro do projeto, esses grupos de mulheres participaram. Não só elas viam quais eram os próximos passos, como a gente aprendeu com elas muito a linguagem, a forma de falar com as mulheres.”

Além das mudanças organizacionais, foram feitas diversas alterações nos procedimentos em relação à gestante. Evita-se o uso de medicamentos para diminuir a dor, com o uso de outros métodos, como a movimentação dentro do quarto. Os apartamentos são equipados com banquinhos, bolas e banheiras para serem usados como alívio durante o trabalho de parto. As mulheres não precisam ficar em jejum e a presença de um acompanhante é obrigatória.

Não foi verificado aumento do índice de complicações decorrentes do parto, como morte materna ou asfixia do bebê. Em três hospitais houve, inclusive, redução desses eventos, de 73 casos por 1 mil nascidos vivos para 31 para cada 1 mil nascidos.

A partir dos resultados, o projeto-piloto Parto Adequado será expandido agora para 150 hospitais de todo o país. “A gente cresce em dimensão, em número de partos, para, em dois anos, conseguir atingir a saúde suplementar toda no Brasil”, completou a médica.

Agência Brasil

Martinópolis: Trabalhadores demitidos fazem protesto em frigorífico

Um grupo de ex-funcionários do frigorífico Frimart, em Martinópolis, realizou um protesto na frente da unidade, localizada na Rodovia Assis Chateaubriand (SP-425), na manhã desta quinta-feira (17). Conforme o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação de Presidente Prudente e Região, Roberto Moreira, os trabalhadores cobram o pagamento dos salários referentes ao mês outubro, que deveria ter sido feito no início de novembro.

“O frigorífico, que tinha cerca de 120 funcionários, está sendo desativado e, por isso, há algum tempo iniciou as demissões na unidade. Os primeiros que foram dispensados receberam os salários referentes ao último mês trabalhado, assim como a cesta básica. Já esses últimos não tiveram os vencimentos pagos, sendo que é direito do trabalhador receber seu pagamento”, disse Moreira ao G1.

Empresa tinha cerca de 120 funcionários (Foto: Sérgio Borges/Cedida)Empresa tinha cerca de 120 funcionários
(Foto: Sérgio Borges/Cedida)

Ainda segundo ele, o proprietário da empresa alegou “não ter condições” de pagar os salários. “Nesta quinta-feira [17], eu estive na unidade e conversei com o dono. Ele disse que até ia fazer as homologações dos funcionários, porém, não tem condições de pagar os valores e que, por isso, ia deixar essa questão a cargo da Justiça”, ressaltou o presidente ao G1.

O frigorífico ainda está com oito trabalhadores em atividade. “Esses últimos funcionários devem ser demitidos ainda nesta sexta-feira [18]. A intenção da empresa é colocar o valor dos salários não pagos junto ao contrato de rescisão e encaminhar à Justiça, pois lá deverá ser determinado o modo de pagamento. Alguns trabalhadores, que haviam sido dispensados há alguns meses, tiveram os pagamentos determinados em parcelas nas audiências, fato que assusta aqueles que não tiveram as homologações acordadas”, explicou Moreira.

Os ex-funcionários, que protestam pelo não recebimento dos salários, pretendem continuar em frente à unidade, segundo o representante do sindicato. “Eles entendem que a situação está difícil, mas não aceitam essa decisão. Muitos sustentam suas famílias e estão com as contas atrasadas por não terem recebido os pagamentos”, afirmou ao G1.

De acordo com a Polícia Militar, que acompanhou o ato desde as 8h, havia, aproximadamente, entre 20 e 30 trabalhadores no local. O grupo tentou invadir o escritório da empresa, mas, segundo a corporação, não obteve êxito e não houve detidos.

Ainda conforme a PM, o manifesto foi pacífico.

Frimart
O G1 tentou contato com o frigorífico, entretanto, até o momento desta publicação, as ligações feitas à empresa não foram atendidas.

Ex-funcionários querem receber o salário referente ao último mês trabalhado (Foto: Sérgio Borges/Cedida)Ex-funcionários querem receber o salário referente ao último mês trabalhado (Foto: Sérgio Borges/Cedida)
G1 Presidente Prudente

Vestibular da Fatec abre inscrições para 280 vagas em Pres. Prudente

O vestibular da Faculdade de Tecnologia (Fatec) começou a receber inscrições nesta quarta-feira (16). No Oeste Paulista, há 280 vagas oferecidas na unidade de Presidente Prudente. A prova será no dia 8 de janeiro de 2017.

Para o primeiro semestre do próximo ano, há chances para quatro cursos. São 40 vagas para cada período: Agronegócio (manhã e noite), Análise e Desenvolvimento de Sistemas (manhã e noite), Eventos (noite) e Gestão Empresarial (noite e ensino a distância).

Ao todo, serão oferecidas 15.720 vagas em todo o Estado, distribuídas entre as 66 Fatecs. Esse número inclui 1.920 vagas para a modalidade a distância.

Fatec de Presidente Prudente oferece quatro cursos (Foto: Heloise Hamada/G1)Fatec de Presidente Prudente oferece quatro
cursos (Foto: Heloise Hamada/G1)

Inscrições
Para concorrer a uma das vagas do vestibular, o candidato deve ter concluído ou estar cursando o ensino médio ou equivalente, desde que no ato da matrícula comprove a conclusão do curso.

No período de 16 de novembro a 15 de dezembro, as inscrições deverão ser feitas exclusivamente pela internet, no site. No último dia, o prazo termina às 15h. Para se inscrever, é necessário preencher a ficha de inscrição, imprimir o boleto e pagar a taxa no valor de R$ 75, em qualquer agência bancária.

No ato da inscrição, é possível escolher um curso em primeira opção e colocar como segunda opção: o mesmo curso (presencial ou EaD) de primeira opção oferecido em outro período na mesma Fatec; ou o mesmo curso (presencial ou EaD) de primeira opção em qualquer período de outra Fatec; ou ainda qualquer curso (presencial ou EaD) com o mesmo conjunto de disciplinas prioritárias (a relação dos cursos estará na internet, no momento em que o candidato for definir a segunda opção), em qualquer Fatec e período.

O candidato com deficiência, que precise de condições especiais para fazer a prova, deve mencionar sua necessidade na ficha de inscrição eletrônica. Será necessária a apresentação de laudo médico, emitido por especialista, até as 15h do dia 15 de dezembro.

O Manual do Candidato, que traz todas as datas, normas e orientações para o processo seletivo, estará disponível no site para download gratuito.

A Fatec de Presidente Prudente está localizada na Rua Teresina, nº 75, na Vila Paulo Roberto. O telefone é o (18) 3916-7887.

 G1 Presidente Prudente

Rapaz tem moto furtada enquanto acompanha o velório da mãe

Um rapaz de 22 anos teve a motocicleta furtada na madrugada desta segunda-feira (14), em Presidente Venceslau. De acordo com as informações da Polícia Militar, a vítima estava no velório de sua mãe, quando o veículo foi levado por ladrões.

Conforme a corporação, câmeras de monitoramento da casa de velório flagraram a ação criminosa, por volta das 2h. Segundo a PM, dois bandidos, com os rostos encapuzados, se aproximaram do veículo e o furtaram.

Por volta das 8h, quando o rapaz saiu, percebeu que a motocicleta não estava no local onde a havia estacionado.

A polícia realiza diligências para localizar os suspeitos e o veículo. O caso foi registrado na Polícia Civil.

 G1 Presidente Prudente

Temer diz que prefeitos podem usar valor da repatriação para pagar 13º salário

O presidente Michel Temer postou um vídeo no Twitter ressaltando que parte do dinheiro arrecadado com a regularização de recursos de brasileiros e empresas que estavam no exterior, a chamada repatriação. Dirigindo-se aos prefeitos, Temer pediu que eles entrem em contato com o governo federal para descobrirem o valor que cada prefeitura terá direito até o fim do ano.

 A Receita Federal arrecadou R$ 46,8 bilhões em impostos e multas com a repatriação de recursos, que serão repartidas entre a União, os estados e municípios.”Você sabe que com a repatriação de capitais para o Brasil, o governo federal estará entregando a você, prefeito, uma verba que praticamente vai cobrir as suas despesas de final de ano. Isso para todos os prefeitos sem nenhuma exceção”, informou Temer.

O presidente voltou a mencionar a possibilidade de o dinheiro ajudar a pagar os salários dos funcionários públicos municipais. “Comunique-se com o governo federal que você saberá a importância que receber para este fim de ano, quem sabe até para pagar o décimo terceiro salário”, disse o presidente.

Inicialmente, apenas parte do Imposto de Renda deve ser repassada aos entes estaduais e municipais, mas nesta sexta-feira (11) o Supremo Tribunal Federal autorizou o depósito em juízo do valor arrecadado também com as multas para os estados do Piauí e de Pernambuco.

Agência Brasil

POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SP ABRE CONCURSO PARA CONTRATAR 2.293 SOLDADOS

A Polícia Militar abre na semana que vem as inscrições de concurso para a contratação de 2.293 soldados de 2ª classe. O processo seletivo foi autorizado pelo governador Geraldo Alckmin no final de agosto. O edital publicado no Diário Oficial do Estado de São Paulo desta quinta-feira (10) define que as inscrições acontecerão entre 10 horas da próxima quarta-feira, dia 16 de novembro, e 15h59 do dia 15 de dezembro.  Os cadastros para a prova de conhecimentos serão realizados exclusivamente pelo site da Vunesp (www.vunesp.com.br). Para concluir a inscrição, o candidato deverá pagar uma taxa de R$ 50. Ao final do período determinado pelo edital, o boleto não estará mais disponível.  Após aprovados em todas as etapas do concurso, os alunos passarão pelo Curso Superior de Técnico de Polícia Ostensiva e Preservação da Ordem Pública, com duração média de um ano, na Escola Superior de Soldados (ESSd).  Requisitos  Para se candidatar a uma vaga de soldado, é preciso ser brasileiro e ter idade entre 17 e 30 anos. As mulheres precisam ter altura mínima de 1,55 metro e os homens, de 1,60 metro. É necessário ter concluído o ensino médio e ser habilitado a conduzir automóveis.  O candidato pode ter tatuagens, exceto quando elas ficarem visíveis com o uso de bermuda e camiseta de manga curta – tipos de uniforme da PM – e quando as artes defenderem valores contrários ao da polícia, como referências violentas ou preconceituosas.  O edital também informa que não há vagas disponíveis para pessoas com deficiência, “tendo em vista as peculiaridades do exercício das funções policiais militares inerentes ao cargo”. A remuneração inicial do soldado de 2ª classe é, atualmente, de R$ 2.992,54.  De 2011 até este ano, o governo estadual já contratou 21.590 soldados. Desse total, 18.889 foram destinados a unidades territoriais, 1.521 a unidades especializadas – como o Comando Rodoviário – e 1.180 passaram a atuar no Corpo de Bombeiros.

Homem de 55 anos é encontrado morto dentro de casa na Vila Furquim

Um homem de 55 anos foi encontrado morto dentro de sua casa, por volta das 8h50 desta sexta-feira (11), na Vila Furquim, em Presidente Prudente. De acordo com as informações da Polícia Militar, um cunhado da vítima arrombou uma das portas para entrar no imóvel e a encontrou caída no chão.

Conforme a corporação, os familiares estranharam a ausência do homem, que havia três dias não dava notícias. Assim que o cunhado chegou ao imóvel, percebeu que estava tudo quieto e decidiu entrar no local, momento em que encontrou o cadáver.

Segundo a PM, a suspeita é de que a vítima tenha morrido de causa natural. O caso foi registrado na Polícia Civil.

Corpo foi encontrado na Vila Furquim, em Presidente Prudente (Foto: Valmir Custódio/G1)Corpo foi encontrado na Vila Furquim, em Presidente Prudente (Foto: Valmir Custódio/G1)
G1 Presidente Prudente