segunda-feira, 25 junho, 2018

Governador diz que não dará reajuste enquanto não resolver ICMS do gás

Foto: Álvaro Rezende/Correio do Estado
Foto: Álvaro Rezende/Correio do Estado

 

Por: Correio do Estado

Hoje, durante a abertura da campanha contra a febre aftosa, que aconteceu no Clube de Laço Comprido (CLC), o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) lembrou que não fará reajuste dos servidores sem antes resolver o problema do ICMS do gás natural. “Para que algum tipo de reajuste aconteça nós precisamos recompor essa perda do gás, isso tem impactado muito”, disse Azambuja.

O governador lembrou também que recentemente fora publicado um decreto que possivelmente dará condição de retomada dos impostos provenientes do gás natural. “Mas mesmo assim, ainda não temos a segurança de que esse ganho suportaria nós fazermos algum tipo de reajuste aos servidores”, afirmou.

O reajuste costuma acontecer no mês de maio e Azambuja disse que ainda estão no prazo para definirem as tratativas com as classes. “Nesse mês nós vamos dialogar com todas as categorias”, finalizou.

Preço da gasolina fecha em queda pelo segundo mês consecutivo

Por: Correio do Estado

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

No Estado do Mato Grosso do Sul, o mês de abril encerrou-se com a segunda queda consecutiva nos preços dos combustíveis. Em fevereiro, o preço médio da gasolina praticado no Estado era de R$ 3,67 o litro, caindo para R$ 3,62 em março e chegando a R$ 3,59 em abril, em média. Na última semana de abril, ainda segundo a ANP, o preço médio era de R$ 3,57. Dos oito municípios citados pela ANP na pesquisa, Paranaíba continua com a gasolina mais cara do Estado, média de R$ 3,87 o litro. Em Três lagoas houve queda de R$ 3,82 para R$ 3,75, em média. Nos dois municípios, o preço máximo do combustível pode passar de R$ 3,90 o litro, dependendo do estabelecimento.

ETANOL E DIESEL
A pesquisa apontou também queda no preço médio do diesel, recuando de R$ 3,41 (valor médio de março) para R$ 3,37, valor médio registrado em abril. A maior queda, no entanto, foi no preço do etanol, que fechou o mês de abril a R$ 3,06, em média o litro. O valor corresponde a R$ 0,10 a menos em comparação ao preço médio praticado em fevereiro e R$  0,07, mais barato que em març0o (R$ 3,13).

Na Capital, o preço médio do etanol era de R$ 2,914 na última semana pesquisada pela ANP de abril, do dia 23 a 29.

O preço médio da gasolina fechou o mês de abril em queda na Capital. Conforme última pesquisa da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o preço médio do combustível fechou a R$ 3,45, sendo R$ 3,37 o valor mínimo e R$ 3,60, o máximo, encontrado nos postos de Campo Grande. Ao todo, foram levantados os preços praticados por 31 estabelecimentos.

A pesquisa apontou queda de R$ 0,03 em comparação à semana anterior, quando o preço médio era de R$ 3,48, mesmo com o reajuste anunciado pela Petrobras. No dia 21, a estatal reajustou os preços para as refinarias de 4,3% no valor do diesel e 2,2%, no da gasolina. A projeção era de que, se repassado na íntegra, ao consumidor final, o diesel poderia ficar R$ 0,09 mais caro e a gasolina, até R$ 0,04 mais cara o litro.

Em comparação à primeira semana de abril, a queda no valor do combustível foi ainda maior, de R$ 0,05. A pesquisa da ANP apontou que, de 1 a 8 de abril, o preço médio praticado pelos postos da Capital eram de R$ 3,5.

Agricultor é preso com 212 tabletes de maconha e dinheiro venezuelano

Um agricultor de 48 anos foi preso por tráfico de droga na noite desta quinta-feira (9), transportando 152,727 quilos de maconha, no km 31 da Rodovia Olímpio Ferreira da Silva (SP-272), em Mirante do Paranapanema. Segundo a Polícia Militar Rodoviária, com o homem também foram localizados bolívares venezuelanos, dinheiro corrente da Venezuela.

Droga e dinheiro estavam dentro de tambores na carroceria de uma caminhonete (Foto: Polícia Militar Rodoviária/Cedida)Droga e dinheiro estavam dentro de tambores na
carroceria de uma caminhonete
(Foto: Polícia Militar Rodoviária/Cedida)

Durante fiscalização, uma equipe da polícia abordou um GM D 10, com placas de Deodápolis (MS), conduzido pelo agricultor, o qual transitava no sentido Pirapozinho. Em procedimento de revista, foram localizados na carroceria do veículo dois tambores de lata sobrepostos a outros dois tambores de plástico, os quais continham vários tabletes de maconha e uma bolsa com o dinheiro da Venezuela, segundo a polícia.

O homem assumiu a propriedade da droga e informou ter comprado de um desconhecido pelo valor de R$ 250 o quilograma. Ele alegou ainda que negociaria a droga no interior paulista, com outro desconhecido no valor de R$ 500 o quilograma.  Quanto ao dinheiro, o autor informou que transportava em forma de favor ao desconhecido que receberia a droga e que não tinha conhecimento do valor transportado, ainda de acordo com a polícia.

A ocorrência foi registrada na Delegacia da Polícia Civil de Mirante do Paranapanema, onde o delegado de plantão ratificou a prisão em flagrante do agricultor. No distrito policial foram contabilizados 212 tabletes que pesaram 152,727 quilos de maconha e a quantia de 1.251,850 bolívares venezuelanos.

O homem foi levado para a Cadeia de Presidente Venceslau.

Droga e dinheiro estavam dentro de tambores na carroceria de uma caminhonete (Foto: Polícia Militar Rodoviária/Cedida)Droga e dinheiro estavam dentro de tambores na carroceria de uma caminhonete (Foto: Polícia Militar Rodoviária/Cedida)
G1 Presidente Prudente

Carro ‘voa’ sobre ponte cedida em Sagres e condutor fica ferido

A ponte sobre o Rio Canguçu, na estrada vicinal que liga Sagres a Inúbia Paulista, foi interditada neste domingo (29), após a cabeceira dela ceder devido às fortes chuvas que atingiram a região. Ao tentar passar pela área, um homem ficou ferido e seu automóvel danificado. Uma caminhonete que também passou pelo local caiu no buraco.

Fato ocorreu neste domingo (29), em estrada vicinal de Sagres (Foto: Prefeitura de Sagres/Cedida)Fato ocorreu neste domingo (29), em estrada vicinal
de Sagres (Foto: Prefeitura de Sagres/Cedida)

Conforme o Corpo de Bombeiros, o fluxo da água fez com que um buraco de aproximadamente cinco metros – de extensão e profundidade – abrisse no local. Um GM Vectra acelerou e tentou passar “voando” por essa abertura, mas quando voltou ao asfalto, chocou-se contra a cabeceira da ponte e ficou “bastante danificado”. Com a manobra, o motorista sofreu possíveis fraturas de pelve e de membros inferiores. Ele foi socorrido e levado ao Pronto-socorro de Osvaldo Cruz.

Outro motorista acessou a estrada na sequência e foi quem acionou o socorro. Ele dirigia uma Toyota Hilux, que ficou presa nesse buraco, ainda de acordo com o Corpo de Bombeiros. Um guincho precisou ser chamado para retirar a caminhonete de lá. O condutor não se feriu.

A estrada vicinal onde a ponte está instalada é a principal ligação entre a Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294) e a Rodovia Assis Chateaubriand (SP-425).

Caminhonete caiu em buraco neste domingo (29) (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)Caminhonete caiu em buraco neste domingo (29) (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Calamidade
O prefeito de Sagres, Ricardo Rived Garcia (PSDB), confirmou ao G1 a interdição da pista e informou que decretará estado de calamidade. “Vamos acionar a coordenação de Defesa Civil da cidade e do Estado, os órgãos do Estado e DER [Departamento de Estradas de Rodagem], para ver o que fazemos, porque essa vicinal é a ligação da SP-294 à SP-425 e tem um tráfego muito intenso”, explicou.

Por enquanto, a via permanecerá fechada. “Vou entrar com pedidos no Estado, Defesa Civil e Casa Militar, pois o município não terá condições de fazer. É uma ponte antiga, a cabeceira não tem aquelas abas”, disse o prefeito ao G1. Além da interdição da pista, também houve a colocação de uma barreira de terra.

Trajeto
O diretor regional do DER, João Augusto Ribeiro, afirmou que a vicinal “encurtava” o trajeto para Inúbia Paulista e Adamantina. Com a interdição da pista, o condutor deverá permanecer na SP-294 até acessar a SP-425.

Caminhonete caiu em buraco neste domingo (29) (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)Caminhonete caiu em buraco neste domingo (29) (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
Caminhonete caiu em buraco neste domingo (29) (Foto: Prefeitura de Sagres/Cedida)Caminhonete caiu em buraco neste domingo (29) (Foto: Prefeitura de Sagres/Cedida)
Fato ocorreu neste domingo (29), em estrada vicinal de Sagres (Foto: Prefeitura de Sagres/Cedida)Fato ocorreu neste domingo (29), em estrada vicinal de Sagres (Foto: Prefeitura de Sagres/Cedida)
Fato ocorreu neste domingo (29), em estrada vicinal de Sagres (Foto: Prefeitura de Sagres/Cedida)Fato ocorreu neste domingo (29), em estrada vicinal de Sagres (Foto: Prefeitura de Sagres/Cedida)
G1 Presidente Prudente

Homens ficam feridos após colisão entre duas picapes em Martinópolis

Dois homens, de 24 e 48 anos, ficaram feridos em um acidente de trânsito, por volta das 21h40 desta quarta-feira (25), no km 8 da Rodovia Vereador Osvaldo Campioni Ascêncio, em Martinópolis. De acordo com as informações da Guarda Municipal, uma VW Saveiro e uma Fiat Strada colidiram.

Conforme o registro, o Corpo de Bombeiros foi acionado, junto com a Guarda Municipal, para atender a ocorrência. No local, foi constatado que o rapaz de 24 anos conduzia a Fiat Strada, com placas de Regente Feijó, e o homem de 48 anos era motorista da VW Saveiro, com placas Martinópolis.

Acidente aconteceu na noite desta quarta-feira (25) (Foto: Departamento de Trânsito, Segurança e Defesa Civil/Cedida)Acidente aconteceu na noite desta quarta-feira (25)
(Foto: Departamento de Trânsito, Segurança e
Defesa Civil/Cedida)

Os dois seguiam pela via em sentido a Represa Laranja Doce quando, por motivos a serem esclarecidos, a Fiat Strada atingiu a traseira da VW Saveiro.

Os dois condutores foram socorridos por ambulâncias à Santa Casa de Misericórdia do município.

A Policia Militar, durante o registro da ocorrência, verificou que o homem de 48 anos apresentava sinais de embriaguez. Ele fez o teste do etilômetro que aferiu 0,75 miligramas de álcool por litro de ar expelido. O condutor foi preso em flagrante e teve fiança arbitrada em um salário mínimo, ou seja, R$ 937. O valor foi apresentado e o condutor liberado para responder em liberdade.

A perícia foi acionada para comparecer ao local do acidente e um laudo deve apontar as causas exatas da colisão.

Acidente aconteceu na noite desta quarta-feira (25) (Foto: Departamento de Trânsito, Segurança e Defesa Civil/Cedida)Acidente aconteceu na noite desta quarta-feira (25) (Foto: Departamento de Trânsito, Segurança e Defesa Civil/Cedida)

Acidente aconteceu na noite desta quarta-feira (25) (Foto: Departamento de Trânsito, Segurança e Defesa Civil/Cedida)Acidente aconteceu na noite desta quarta-feira (25) (Foto: Departamento de Trânsito, Segurança e Defesa Civil/Cedida)

G1 Presidente Prudente

Após provocar acidente, motorista diz que vai pegar documento e foge

Um homem fugiu após bater seu carro na Vila Boa Vista, em Presidente Prudente, na noite desta segunda-feira (23). Conforme o Boletim de Ocorrência, a vítima relatou que estava saindo com seu veículo da garagem, quando foi atingida por um automóvel.

Ainda segundo o registro policial, a vítima saía com seu GM Classic, que foi atingido por um VW Parati. Depois da colisão, o motorista parou seu carro logo à frente e conversou com a vítima.

Também de acordo com o BO, quando o autor disse que pegaria seu documento, ele entrou no carro e foi embora. Porém, a vítima afirmou que anotou a placa do VW Parati.

A ocorrência foi registrada na Delegacia Participativa e foi requisitada perícia para o GM Classic da vítima.

 G1 Presidente Prudente

Filho repete práticas que levaram à cassação do pai, aponta sentença

Na sentença em que cassou o diploma do prefeito de Presidente Bernardes, Luccas Inague Rodrigues (PP), o juiz da 165ª Zona Eleitoral, Vinícius Peretti Giongo, aponta que o mesmo “modus operandi” revelado pela investigação que resultou na condenação do atual chefe do Poder Executivo já havia sido adotado pelo pai dele, o ex-prefeito Júlio Omar Rodrigues, que perdeu o mandato, em 2015, “justamente pela prática de compra de votos”.

“Há de se apontar que o modus operandi revelado pela investigação conexa e instrução processual já foi empregado pelo genitor de Luccas, Júlio Omar Rodrigues, que veio a ter seu mandato cassado justamente pela prática de compra de votos. Assim, embora, por razões óbvias, o filho não possa e não deva responder pelos pecados do pai, o acervo probatório é firme em apontar que práticas similares, quiçá, idênticas às utilizadas por Júlio também o foram na campanha de Luccas, que resultou igualmente contaminada”, afirma o magistrado na decisão proferida nesta segunda-feira (23).

A sentença de Vinícius Peretti Giongo cassou os diplomas do prefeito Luccas Inague Rodrigues e do vice-prefeito Reginaldo Luiz Ernesto Cardilo (PP), ambos condenados por captação ilícita de sufrágio durante a campanha eleitoral de 2016. Além disso, o juiz ainda aplicou uma multa de R$ 10.641, o equivalente a dez mil Unidades Fiscais de Referência (Ufirs), a cada um dos políticos, que foram alvos de uma representação eleitoral movida pelo Ministério Público.

Julio Omar Rodrigues afirma que vai recorrer ao TSE (Foto: Reprodução/TV Fronteira)Júlio Omar Rodrigues foi condenado por compra de
votos (Foto: Reprodução/TV Fronteira)

Após o trânsito em julgado da sentença, caso seja confirmada em eventual recurso, o juiz ordenou a realização de novas eleições para os cargos de prefeito e vice-prefeito em Presidente Bernardes.

A chapa formada por Luccas Inague Rodrigues e Reginaldo Luiz Ernesto Cardilo venceu as eleições municipais de 2016, em Presidente Bernardes, com 3.932 votos, o equivalente a 47,96% dos votos válidos.

Júlio Omar Rodrigues, que é pai de Luccas Inague Rodrigues, foi eleito três vezes para o cargo de prefeito de Presidente Bernardes, em 1988, 1996 e 2012. No entanto, ele não conseguiu cumprir o último mandato integralmente, após ser condenado por compra de votos pela Justiça Eleitoral. O vice-prefeito na época, José Lúcio Cauneto (PSB), assumiu o comando do Poder Executivo em abril de 2015 e concluiu o governo até o fim de 2016, no lugar de Rodrigues.

Luccas Inague Rodrigues é médico e tem 33 anos (Foto: Heloise Hamada/G1)Luccas Inague Rodrigues teve o diploma de prefeito
cassado pela Justiça Eleitoral
(Foto: Heloise Hamada/G1)

Outro lado
O G1 tentou contato, na manhã desta terça-feira (24), com o prefeito Luccas Inague Rodrigues e o vice-prefeito Reginaldo Luiz Ernesto Cardilo, na Prefeitura de Presidente Bernardes, entretanto, foi informado de que ambos não estavam no Paço Municipal.

Já a advogada que representa os dois, Silvia Helena Ferreira de Faria Negrão, informou ao G1 que a defesa não foi notificada sobre esta decisão e que só se pronunciará quando souber o teor do documento.

O G1 também entrou em contato com Júlio Omar Rodrigues, pai de Luccas Inague Rodrigues. Ele alegou que não tem conhecimento sobre o teor da decisão. “Eu não tive acesso aos autos desta sentença, pois estou acompanhando as informações de longe. Quando eu souber do conteúdo da mesma, irei me pronunciar sobre o fato”, ressaltou.

 G1 Presidente Prudente

Colisão entre dois veículos mata quatro pessoas em Teodoro Sampaio

Um acidente de trânsito matou quatro pessoas, sendo dois homens e duas mulheres, por volta das 19h20 deste domingo (22), no km 16,300 da  Rodovia Arlindo Bétio (SP-613), em Teodoro Sampaio. De acordo com as informações da Polícia Rodoviária, um dos automóveis rodou na pista e atingiu transversalmente o veículo que transitava no sentido contrário. A batida ainda deixou outras quatro pessoas feridas.

Conforme o registro, um VW Gol, de cor branca, seguia no sentido Teodoro Sampaio a Euclides da Cunha Paulista, quando, por motivos a serem esclarecidos, perdeu o controle da direção, rodando na pista e invadindo a contra mão de direção.

Um Fiat Uno, de cor cinza, que trafegava no sentido oposto, foi atingido na lateral direita pelo carro. Os dois veículos tinham placas de Teodoro Sampaio.

O condutor do VW Gol, de 28 anos, e os três passageiros, sendo duas mulheres – de 22 anos e 34 anos – e um homem de 29 anos, morreram no local.

Já o motorista do Fiat Uno de 61 anos e um passageiro de 23 anos ficaram gravemente feridos. Outros dois homens, de 28 e 34 anos, que também estavam no carro tiveram ferimentos leves.

As vítimas foram socorridas por unidades do Corpo de Bombeiros e encaminhadas ao Hospital de Teodoro Sampaio.

A perícia foi acionada e um laudo deve apontar as causas exatas do acidente.

 G1 Presidente Prudente

Prefeitura diz que investigará possível caso de leishmaniose em bebê

A Prefeitura de Presidente Epitácio afirmou neste domingo (22) que vai investigar o possível caso de leishmaniose em uma menina de seis meses, que reside no município. A bebê está internada no Hospital Regional de Presidente Prudente e, conforme a unidade, seu estado de saúde é estável.

A criança chamada Sophia está internada no hospital de Prudente desde a última sexta-feira (20). Ainda segundo o HR, seu quadro de saúde permanece o mesmo e a menina está “fora de risco, sem previsão de alta”.

A Prefeitura de Epitácio afirmou ao G1 que a criança é moradora do Bairro Santa Rosa e que “irá apurar as informações” e que aguarda “o resultado das investigações para dar um parecer” sobre o caso.

Apesar disso, salientou que, nesta segunda-feira (23), fará uma visita ao bairro onde a família da bebê reside. “Antes mesmo da comunicação do caso da bebê sob suspeita da doença, já haviam sido definidas ações para combater a dengue e a leishmaniose. Presidente Epitácio não está com uma epidemia da doença, por isso, a situação será investigada. Nesta segunda-feira [23], visitas serão realizadas no bairro onde a criança reside”, afirmou.

A Prefeitura também informou que o secretário de Saúde do município, Agnaldo Wilson de Souza Cruz, disse que, por intermeio do Departamento Regional de Saúde (DRS-XI) de Presidente Prudente, foi realizada na última quinta-feira (19) uma reunião voltada para a questão de prevenção à leishmaniose e a dengue.

Neste encontro estiveram presentes representantes da Secretaria de Obras, Vigilância Epidemiológica Municipal (VEM), Vigilância Sanitária e Secretaria da Saúde. Ainda segundo o Executivo, a reunião teve como objetivo “definir ações, como mutirões de conscientização e limpeza em locais que possam ter focos das doenças”. Esses trabalhos devem ter início nesta segunda-feira (23).

A mãe de Sophia, Rafaela Tatiane Oliveira dos Santos, também disse ao G1 que o estado de sua filha ainda é o mesmo. Ela relatou que neste sábado (21) a menina tomou um antibiótico para combater a leishmaniose e que neste domingo (22) tomaria a segunda dose.

Ela enfatizou que a bebê “geme de dor” e que a médica disse “que isso é normal, por ser sintoma da doença”. A mãe também falou que a criança está mamando, entretanto, a papinha ela ainda não consegue comer.

 G1 Presidente Prudente

Mãe e filha levam prejuízo de R$ 1,3 mil em golpe aplicado por falso parente

Duas mulheres foram vítimas de um golpe de estelionato e tiveram um prejuízo de R$ 1,3 mil, na tarde desta terça-feira (17), no Residencial Bela Vista 1, em Presidente Prudente. Segundo o Boletim de Ocorrência, o golpista ligou para uma das mulheres alegando ser seu sobrinho e que necessitava do dinheiro para consertar seu veículo, pois iria visitá-la.

De acordo com o documento, na noite de segunda-feira (16), uma pessoa desconhecida ligou para uma das mulheres, de 68 anos, afirmando ser um sobrinho distante e que iria visitá-la, em Presidente Prudente.

Na manhã desta terça-feira (17), novamente o autor ligou para a vítima dizendo que estava próximo à cidade de Osvaldo Cruz e que seu carro havia apresentado problema mecânico, mas não possuía dinheiro para o conserto, avaliado em R$ 1,3 mil. O golpista informou o número de uma conta bancária para receber o valor solicitado, segundo o boletim.

A mulher de 68 anos alegou que não possuía a quantia requerida. Diante da situação, a sua filha, de 37 anos, emprestou o dinheiro para o depósito. Após realizar a transação bancária, as vítimas conversaram com parentes e constataram que haviam caído em um golpe.

O caso foi registrado na Delegacia Participativa.

 G1 Presidente Prudente