Excesso de químicos prejudica solos e agricultura em todo o mundo, diz ONU

Foto: ONU/Logan Abassi
Foto: ONU/Logan Abassi

Por: Agência Brasil

 

Um grande problema de proporções mundiais vem sendo destacado pela Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO). O motivo da preocupação é a poluição dos solos, causada em grande parte dos casos pelo excesso de produtos químicos usados na agricultura. No mundo, em média um terço dos solos está degradado devido a problemas em sua manutenção, diz a FAO. As informações são da ONU News.

Uma conferência sobre esse tema foi realizada na sede da ONU em Roma, na Itália, onde foi discutido que dezenas de bilhões de toneladas de solos são desperdiçadas por ano devido a poluição. Segundo a FAO, o excesso de nitrogênio e traços de chumbo, mercúrio e outras substâncias na terra prejudicam o metabolismo das plantações e as colheitas.

Ao entrar na cadeia alimentar, esses poluentes oferecem riscos para a segurança dos alimentos, para fontes de água e para a saúde humana e animal. A FAO destaca que é essencial o combate a poluição dos solos para podermos tratar o problema da mudança climática. Propostas positivas sobre o assunto foram discutidas em reunião, afim de facilitar as informações entre especialistas e países, incluindo a criação de uma rede global de laboratórios de solos.